Como ajudar seu paciente com a autocura?

Como ajudar seu paciente com a autocura?

Esse artigo é voltado especialmente para os profissionais da saúde. Você sabia que seus atendimentos podem ser otimizados com o poder da autocura de seus pacientes?

Ao longo do meu trabalho como fisioterapeuta e estudando com profundidade a saúde integral, que é a integração da mente, cérebro e corpo, conheci a Nova Medicina Germânica, que realmente trabalha na causa das doenças dos pacientes.

Estudo de caso – Crises de Pânico

Vou relatar um estudo de caso em que a minha paciente tinha crises de pânico, tomava cerca de 4 remédios controlados e estava num estado que chamo de estado de alucinação.

A paciente estava em total descontrole e tinha pouquíssimo conhecimento sobre seu corpo. Sendo que ela simplesmente executava o que pediam para ela fazer.

Na verdade, ela nunca havia sido tratada, somente tentavam esconder os seus sintomas.

Com isso, aos poucos fui fazendo ela compreender a real causa de sua doença de acordo com a vida que ela estava levando.

Verifiquei as condutas necessárias e as mudanças em seu meio ambiente que ela precisava fazer para ser ver livre dessa medicação e voltar a viver uma vida normal.

Assista o vídeo abaixo, o qual eu falo sobre como ajudar seu paciente com a autocura:

Quais foram os aprendizados com esse estudo de caso?

Através desse caso, pude concluir que como profissionais da saúde, devemos conhecer todas as mais variadas formas de atuação com o paciente.

Os profissionais da saúde devem saber exatamente o que o paciente precisa para poder ajudá-lo.

A partir desse caso e muitos outros, eu pude constatar 3 fatores interessantes que você precisa aplicar em seu consultório se quiser ajudar seus pacientes a obterem mais resultados.

>>>Baixe ebook gratuito: A Medicina Germânica e seu poder de cura

3 Fatores para ter sucesso como profissional da saúde

  • O seu paciente tem o poder da autocura
  • O paciente sempre sabe o que ele precisa para se curar
  • Conhecimento das leis da natureza

Toda pessoa nesse mundo tem um poder gigantesco de autocura. O que ocorre nos pacientes é que esse poder está adormecido.

Seja pelo fato de que fomos educados da forma de que precisamos do outro para nos curar, assim como precisava de um meio externo, como uma medicação, por exemplo.

Essas crenças fazem parte de nossa educação, sendo necessária a mudança desses conceitos pelo paciente.

Devemos dar ao paciente o conhecimento necessário para que ele promova a autocura.

O conhecimento interno sobre sua saúde é um dos pontos principais que levam o paciente para outro nível de evolução interna e contato com sua natureza.

Todas as pessoas sabem o que passaram em sua vida e quais foram os momentos que levaram ao surgimento da doença.

Sendo necessário, como profissional da saúde, darmos esse conhecimento para nosso paciente, pois praticamente todas as respostas de seu corpo partem de uma base de conhecimento que somente ele consegue acessar, gerando o despertar da autocura.

É fundamental o conhecimento das leis que são regidas pela natureza, as quais agem no processo saúde-doença.

Saber ouvir as leis da natureza é essencial para descobrirmos como ajudar nossos pacientes e nós mesmos.

É necessário conhecer a fundo como se dá o processo do adoecimento, de que forma nosso corpo manifesta os sintomas e quando isso ocorre.

E junto com seu paciente entender como ajudar o corpo a voltar ao estado de normalidade.

Conclusão

Espero que você tenha entendido como ajudar seu paciente na busca da autocura.

Acho útil o artigo? Compartilhe esse artigo para que possamos ajudar mais pessoas a terem conhecimento sobre a Nova Medicina Germânica.

Quer ter um maior conhecimento da Germânica Heilkunde? Participe da nossa próxima turma Germânica Heilkunde Formação Online.

Este blog é apenas um blog educativo. As informações e serviços aqui contidos não devem ser interpretados como um diagnóstico, tratamento, prescrição ou cura para a doença. Aqueles que buscam tratamento para uma doença específica devem consultar seu médico para determinar o protocolo de tratamento adequado, correto e aceito antes de usar qualquer coisa que é divulgado nesta página. O material referenciado acima reflete a convicção sincera da Dra. Marina Bernardi sobre esta nova medicina.


Receba as novidades!